Visitar a Barragem de Vilarinho das Furnas

Situada entre a Serra Amarela e a Serra do Gerês, na bacia hidrográfica do Rio Cávado, encontra-se uma das barragens mais conhecidas em Portugal: a Barragem de Vilarinho das Furnas. O principal motivo dessa “fama” não se deve ao tamanho da albufeira, ou por ser palco de provas desportivas aquáticas, mas sim pelo facto de ter submerso uma povoação, de seu nome Vilarinho da Furna, e com isso ter ficado debaixo da água toda uma comunidade agro-pastoril dotada de uma organização comunitária perfeita, relevando para uma superioridade na economia local, pastoril e agrícola.

Barragem de Vilarinho da Furna
Barragem de Vilarinho da Furna

As origens de Vilarinho da Furna perdem-se no tempo e as primeiras referências surgem no século XIII, nas famosas inquirições de Afonso II e Afonso III, embora existam teses que defendam a sua existência desde o período romano, uma vez que a Geira passava na povoação.

Barragem de Vilarinho das Furnas
Foto de algumas ruinas

No terceiro quartel do séc. XX a aldeia foi comprada, para a construção da barragem, e a despovoação foi efectuada entre 1969 e 1970 tendo a sua população dispersado pelos municípios vizinhos. A Barragem de Vilarinho das Furnas foi inaugurada em Maio de 1972.

Tours PNPG
Barragem de Vilarinho das Furnas

Hoje em dia é possível visitar as ruínas da aldeia, e ver de perto as casas, os caminhos e muros quando a barragem é esvaziada para limpeza ou na descida do nível das águas provocada pela seca.

Albufeira de Vilarinho da Furna
Foto da albufeira

Não muito longe da barragem, pode visitar o Museu de Etnográfico de Vilarinho da Furna, integrado no edifício da Porta do Parque Nacional da Peneda-Gerês de Campo do Gerês. Aberto desde 1989, este espaço museológico foi criado com o objetivo de preservar a memória da aldeia de Vilarinho da Furna, retratando a vida quotidiana, a organização comunitária e os ofícios tradicionais.

Visitas guiadas Gerês
Cascata junto ao caminho florestal que nos leva às ruínas

Locais a visitar

  • Albufeira da Vilarinho das Furnas
  • Museu da Geira
  • Porta do Gerês – Campo do Gerês
  • Gerês Equidesafios
  • Percurso Pedestre Águia do Sarilhão
  • Aldeia de Campo do Gerês
  • Parque de Campismo da Cerdeira
  • Ruínas da aldeia de Vilarinho da Furna
  • Rio Homem
  • Cascata
  • GR 34 – Serra Amarela
  • Mata da Albergaria
  • Portela do Homem

O que Fazer?

  • GR 34 – Serra Amarela

Alojamento no Gerês

Pesquise alguns espaços únicos para alugar no Gerês, desde bungalows, casas rurais, quintas, hoteis, e villas para desfrutar de uma estadia memorável no Parque Nacional Peneda Gerês.

Mapa da Barragem de Vilarinho das Furnas


Visitar a Inverneira de Pontes em Castro Laboreiro (Melgaço)

Implantada numa zona onde o espaço agrícola se confunde com o florestal, encontra-se a pitoresca aldeia de Pontes. Este povoado, situado a cerca de 6 km a sul da vila de Castro Laboreiro, concelho de Melgaço e apenas a 1 km da fronteira com Espanha, é uma inverneira, ou seja, um pequeno aglomerado temporário onde a população passava os meses mais frios do ano, daí o nome “inverneira”.

Inverneira de Pontes
Inverneira de Pontes

As inverneiras estão localizadas em áreas mais protegidas dos vales, como é o caso da aldeia de Pontes, enquanto que as brandas, implantadas em cotas superiores, serviam de residência para os habitantes nos meses da Primavera e Verão. Hoje em dia ainda essa tradição ainda existe, apenas com algumas famílias que praticam a migração transportando consigo o gado e alguns haveres.

Este curioso sistema de residência rotativa, nasceu pela necessidade de vencer o rigor dos Invernos e de rentabilizar ao máximo as zonas de pastagem e áreas agrícolas durante o ano. Este aspeto revela muito das gentes de Castro Laboreiro, sobretudo da sua capacidade de resiliência.

Forno comunitário Inverneira de Pontes
Forno comunitário de Pontes

Um dos mais importantes pontos de interesse a visitar, logo na entrada da aldeia, é o forno comunitário, encaixado no afloramento granítico, uma valiosa evidência de uma característica secular deste povo enquanto comunidade: a entre ajuda.

Tal como outras inverneiras da região, apresenta um conjunto histórico bem conservado e a maioria das habitações foi restaurada para fins turísticos.

Tours PNPG Pontes
Inverneira de Pontes

Locais a visitar nos arredores

  • Ponte da Cava da Velha
  • GR50 da Peneda Gerês
  • Aldeia da Assureira
  • Aldeia de Pontes
  • Ponte de Dorna
  • Vila de Castro Laboreiro
  • Rio Castro Laboreiro
  • Ponte da Assureira
  • Moinho da Assureira
  • Capela de São Brás
  • Trilho da Aldeia de Pontes
  • Aqueduto de Pontes

O que Fazer

  • GR50 da Peneda-Gerês

Alojamento no Gerês

Pesquise alguns espaços únicos para alugar no Gerês, desde bungalows, casas rurais, quintas, hoteis, e villas para desfrutar de uma estadia memorável no Parque Nacional Peneda Gerês.

Mapa da Aldeia de Pontes


Ponte da Cava da Velha – Castro Laboreiro (Melgaço)

Lançada sobre o rio Laboreiro, esta ponte terá sido construída na época romana e faria parte da via que entrava em Espanha pela Portela do Homem, passando por Estrimo (Espanha), Ameixoeira, Porto do Vaga e Assureira – Cova da Velha – Varziela – Castro Laboreiro.

A Ponte Cava da Velha, como é conhecida, três arcos, dois deles de volta perfeita, tipicamente romanos, e um outro de dimensões reduzidas. A estrutura é em alvenaria de pedra irregular e entre os arcos possui um talha-mar em forma de prisma, a montante, e retangular a jusante. O tabuleiro, com guardas de pedra e lajeado, é em cavalete, uma característica das pontes medievais, o que nos pode indicar que o monumento terá sido reconstruído nessa época.

Considerada uma das mais belas e melhor conservadas pontes antigas do Parque Nacional, a Ponte da Cava da Velha é um testemunho extraordinário das gerações passadas e constitui um importante exemplar de sobreposição de duas épocas e técnicas distintas, a romana e a medieval, tendo sido classificada como Monumento Nacional em 1986.

Calçada Castro Laboreiro
Calçada antiga em direção à Ponte da Cava da Velha

Esta ponte é também designada por Ponte Nova, certamente em alusão a uma mais antiga que aqui (ou muito perto) terá existido.

Ponte Cava da Velha
Ponte Cava da Velha

O acesso faz-se a pé, percorrendo aproximadamente 100 metros do antigo caminho em calçada que, cerca de 20 metros a Sul da capela de São Brás, cruza com a estrada municipal que deriva da estrada EN.202-3 ligando Castro Laboreiro a Ribeiro de Baixo e Eiras.

Agora pode visitar esta ponte através da Grande Rota da Peneda Gerês, a GR50, um fantástico trilho pedestre com cerca de 200 km de extensão distribuídos por 19 etapas, que atravessa o Parque Nacional desde a Ameijoeira, em Castro Laboreiro, Melgaço, no extremo noroeste, até Tourém, Montalegre, no extremo nordeste.

Locais a visitar nos arredores

  • Ponte da Cava da Velha
  • Calçada
  • GR50 da Peneda Gerês
  • Aldeia da Assureira
  • Aldeia de Pontes
  • Ponte de Dorna
  • Vila de Castro Laboreiro
  • Rio Castro Laboreiro
  • Ponte da Assureira
  • Moinho da Assureira
  • Capela de São Brás
  • Trilho da Aldeia de Pontes

O que Fazer

  • GR50 da Peneda-Gerês

Alojamento no Gerês

Pesquise alguns espaços únicos para alugar no Gerês, desde bungalows, casas rurais, quintas, hoteis, e villas para desfrutar de uma estadia memorável no Parque Nacional Peneda Gerês.

Mapa da Ponte da Cava da Velha


Santuário da Senhora da Peneda – Arcos de Valdevez

Quem já não ouviu falar do Santuário da Nossa Senhora da Peneda? Este magnifico conjunto arquitectónico, situado no lugar da Peneda, freguesia Gavieira, concelho de Arcos de Valdevez, é um dos maiores pontos de interesse de todo o Parque Nacional da Peneda Gerês.

Santuário da Senhora da Peneda
Santuário da Senhora da Peneda

Com orago dedicado à Virgem Maria, o templo começou a ser construído no séc. XVIII, mas as obras prolongaram-se até ao final do séc. XIX. Durante o mês de Setembro, realiza-se neste local uma grande romaria dedicada à Senhora da Peneda, atraindo milhares de peregrinos portugueses e galegos.

O conjunto é constituído pela igreja, concluída em 1875, pelo terreiro dos evangelistas e uma enorme escadaria ladeada por 20 capelas temáticas que retratam episódios da vida de Cristo, e ainda os quartéis.

Tours Santuário da Peneda
Escadaria e Capelas

O santuário está implantado numa zona de vale, junto de uma linha de água. Do lado poente surgem grandes afloramentos rochosos, onde se destaca a Fraga da Meadinha, um morro rochoso onde se abriram várias rotas de escalada, e um pouco mais adiante, uma lagoa artificial designada por “Pântano”, que servia uma mini hídrica onde há anos atrás fornecia energia eléctrica à aldeia da Peneda.

Poderá explorar estes locais com tempo através do Trilho da Peneda, um percurso pedestre com cerca de 8 km de extensão que se desenvolve em plena Serra da Peneda, entre dois povoados serranos: o aldeamento da Peneda e a Branda de Bouças dos Homens. O trilho encontra-se marcado e está classificado como de dificuldade média e passa junto do santuário.

Trilho da Peneda
Imagem do junto à lagoa artificial -Trilho da Peneda
Lagoa Pântano
Lagoa artificial conhecida por “Pântano”

O Parque Nacional da Peneda Gerês é o destino de eleição para as actividades radicais de natureza. Não se admire se encontrar nesta zona, grupos de aventureiros na prática de escalada. As atividades na Fraga da Meadinha, que é considerada uma das melhores paredes de escalada da Península Ibérica, tiveram início na década de 40 do século passado. A partir dos anos 70, escaladores portugueses e da Galiza, abriram e equiparam novas vias existindo nos dias de hoje 8 sectores com 59 vias de escalada.

Locais a visitar nos arredores

  • Fojo do Lobo
  • Fraga da Meadinha
  • Branda da Bouça dos Homens
  • Santuário da Nossa Senhora da Peneda
  • Percurso Pedestre da Peneda
  • Branda de São Bento do Cando
  • Branda da Junqueira
  • Branda de Bosgalinhas
  • Branda de Gorbelas
  • Cascata da Peneda
  • Rio Peneda

O que Fazer

  • Percurso Pedestre da Peneda
  • Escalada
  • Canyoning

Alojamento no Gerês

Pesquise alguns espaços únicos para alugar no Gerês, desde bungalows, casas rurais, quintas, hoteis, e villas para desfrutar de uma estadia memorável no Parque Nacional Peneda Gerês.

Mapa do Santuário da Peneda


Visitar a Cascata do Arado – Gerês

Uma das quedas de águas mais fotogénicas do Parque Nacional da Peneda Gerês é a Cascata do Arado. A cascata está inserida no Rio Arado, a cerca de 3 km da aldeia de Ermida, freguesia de Vilar da Veiga, Terras de Bouro.

Cascata do Arado Gerês
Cascata com um grande volume de água

O acesso à cascata pode ser feito de carro em caminho de terra batida e pode estacionar ou junto da berma ou no parque de estacionamento improvisado a cerca de 300 metros de distância.

Evite visitar a cascata durante o verão, pois o calor e a ausência de chuva diminui em muito o volume da queda de água. Para além disso, esta época é muito atractiva para os turistas que fazem filas enormes para visitar este local.

Cascata do Arado Tour
Cascata do Arado

Para os amantes de percursos pedestres, pode visitar este ponto através do Trilho do Vale da Teixeira. Não muito longe pode subir ao Miradouro das Rocas que lhe oferece uma vista privilegiada sobre o Rio Arado. Esta linha de água produz várias cascatas ao longo do seu percurso incluindo as famosas Cascatas de Fecha de Barjas, mais conhecidas por Cascatas do Taiti.

Cascata do Arado Gerês
Um dos locais mágicos a visitar no Parque Nacional

O Parque Nacional da Peneda Gerês é o destino de eleição para as actividades radicais de natureza. Não se admire se encontrar nesta zona, grupos de aventureiros na prática de canyoning.

Visitas guiadas Cascata do Arado
Rio Arado a jusante da cascata

Locais a visitar nos arredores

O que Fazer

  • Percurso Pedestre do Vale da Teixeira
  • Canyoning

Alojamento no Gerês

Pesquise alguns espaços únicos para alugar no Gerês, desde bungalows, casas rurais, quintas, hoteis, e villas para desfrutar de uma estadia memorável no Parque Nacional Peneda Gerês.

Mapa da Cascata do Arado


Miradouro da Pedra Bela – Gerês

O Miradouro da Pedra Bela é um dos mais famosos miradouros do Parque Nacional da Peneda Gerês. É a partir deste local, a cerca de 890 metros de altitude, que se obtêm as melhores vistas sobre a vila do Gerês e da Albufeira da Caniçada. O miradouro foi alvo de uma requalificação e é possível observar a paisagem em segurança, embora com crianças seja necessária cautela extra. O acesso é feito através de umas escadas talhadas na rocha.

É possível chegar ao miradouro de carro, onde existe um parque de estacionamento. A época ideal para visitar o miradouro será durante a semana, especialmente durante o período de calor já que aos fins de semana existe bastante afluência, sobretudo no verão, tornando o estacionamento complicado.

Para os amantes de trilhos, pode visitar este ponto através do Trilho dos Currais, um percurso pedestre de âmbito Cultural e Paisagístico com cerca de 10 km de extensão.

Não precisa de ter pressas e poderá desfrutar destas vistas com tempo, pois existem diversas mesas de piqueniques. Se o dia ainda não tiver chegado ao fim, vá em direção à aldeia da Ermida e visite mais três pontos de vista: o Miradouro das Rocas, o Miradouro das Cilhas e o Miradouro da Ermida.

Miradouro de Pedra Bela no Gerês
Miradouro de Pedra Bela no Gerês

Locais a visitar nos arredores

  • Miradouro da Pedra Bela
  • Percurso Pedestre dos Currais
  • Miradouro das Rocas
  • Cascata do Arado
  • Rio Arado
  • Vila do Gerês
  • Cascatas de Fecha de Barjas
  • Miradouro das Cilhas
  • Miradouro da Ermida
  • Vale da Teixeira
  • Capela de Ermida

O que Fazer

  • Percurso Pedestre dos Currais

Alojamento no Gerês

Pesquise alguns espaços únicos para alugar no Gerês, desde bungalows, casas rurais, quintas, hoteis, e villas para desfrutar de uma estadia memorável no Parque Nacional Peneda Gerês.

Mapa do Miradouro da Pedra Bela


Visitar a Albufeira da Caniçada

A Barragem da Caniçada é um dos locais mais conhecidos e um dos principais pontos de entrada do Gerês e está localizada na bacia hidrográfica do Rio Cavado, entre os concelhos de Terras de Bouro e Vieira do Minho, Norte de Portugal.

Com o objectivo de produção de energia eléctrica, esta infraestrutura foi inaugurada em 1955, no quadro do plano de aproveitamentos hidroeléctricos em todo o país. É uma barragem em arco em betão com uma altura de 76 m acima da fundação e um comprimento de coroamento de 246 m.

Para os peregrinos de São Bentinho da Porta Aberta, este é um local de passagem obrigatória, nas famosas Pontes de Rio Caldo. De facto, é uma sensação única chegar a este enorme manto de água durante o raiar do sol.

Além das diversas atividades de lazer ligadas aos desportos náuticos, esta zona permite aos seus visitantes desfrutar da paisagem de grande beleza nas diversas esplanadas situadas ao longo da albufeira.

Canoagem na Barragem da Caniçada
Canoagem na Barragem da Caniçada
Canoagem Albufeira da Caniçada
A canoagem é uma das actividades náuticas a não perder
Atividades Barragem da Caniçada
A canoagem é uma das actividades náuticas a não perder

Locais a visitar

  • Albufeira da Caniçada
  • Santuário de São Bentinho da Porta Aberta
  • Mural de Vhils
  • Praia fluvial de Alqueirão
  • Capela de Nossa Senhora da Conceição
  • Praia Fluvial da Barca
  • Pontes de Rio Caldo
  • Igreja Paroquial de Rio Caldo
  • Marina
  • Praia Ribeira Gerês

O que Fazer?

  • Canoagem
  • Passeios de barco
  • Bóias radicais
  • Motas de água
  • Mergulhos
  • Paddle
Passeios Barragem da Caniçada
Passeios de barco na Barragem da Caniçada
Bóias radicais Caniçada
Bóias radicais na Barragem da Caniçada

Alojamento no Gerês

Pesquise alguns espaços únicos para alugar no Gerês, desde bungalows, casas rurais, quintas, hoteis, e villas para desfrutar de uma estadia memorável no Parque Nacional Peneda Gerês.

Mapa da Albufeira da Caniçada


Visitar a aldeia de Sistelo – Arcos de Valdevez

A aldeia de Sistelo está situada no concelho de Arcos de Valdevez, praticamente às portas do Parque Nacional da Peneda Gerês. Em 2017, Sistelo venceu o título “7 Maravilhas de Portugal” na categoria de Aldeias Rurais, destacando-se pelos seus infindáveis socalcos agrícolas. É uma paisagem cultural ímpar que resultou da relação perfeita entre o homem com o território.

Esta povoação apresenta um conjunto muito importante de elementos patrimoniais de elevado interesse histórico, começando pelo palacete que se vê logo que se entra na aldeia: o Castelo do Visconde de Sistelo. Trata-se de uma casa solarenga, construída no século XIX, por um natural da freguesia regressado do Brasil, e primeiro Visconde de Sistelo, Manuel A. Gonçalves Roque. O solar é ladeado por duas torres, que não simbolizam uma vertente militar mas sim a ostentação e o estatuto.

Na rua principal da aldeia está implantado o cruzeiro e o chafariz central composto por pilar quadrangular. Dentro do património religioso merecem uma visita as capelas da Senhora dos Aflitos, de Santo António, de São João Evangelista, da Senhora dos Remédios e da Senhora do Carmo. Sobre o rio Vez foram lançadas algumas pontes, que deram origem ao Trilho das Pontes, que vão desde a época romana até à contemporânea.

Quando visitar este destino poderá fazer vários percursos, entre os quais o famoso Trilho dos Passadiços, um percurso junto do Rio Vez com um nível baixo de dificuldade e aproximadamente 2 km de extensão.

Sistelo trilhos
Trilho dos Passadiços
Tours Sistelo
Trilho dos Passadiços
Sistelo visitas guiadas
Trilho dos Passadiços
Sistelo trilhos
Paisagem rural

Se estiver mais que um dia por esta aldeia ou na região envolvente, poderá explorar outros percursos de grande beleza natural e cultural:

Descubra mais sobre o Trilho das Brandas

Visitar Sistelo
Trilho das Pontes
Fotos Arcos de Valdevez
Gado cavalar na região
Sistelo Tours
Trilho dos Socalcos

Outros locais a visitar em Sistelo

  • Castelo do Visconde de Sistelo
  • Espigueiros
  • Igreja Matriz
  • Chafariz
  • Cruzeiro e alminhas
  • Rio Vez
  • Ecovia do Vez
  • Aldeia de Porto Cova
  • Ponte medieval
  • Ponte moderna
  • Parque de lazer

Dicas importantes para a caminhada:

  • Roupa e calçado apropriado
  • Protetor solar
  • Não saia do percurso sinalizado
  • Respeite a natureza
  • Não abandone o lixo, leve-o até ao respectivo local de recolha.

Alojamento no Gerês

Pesquise alguns espaços únicos para alugar no Gerês, desde bungalows, casas rurais, quintas, hoteis, e villas para desfrutar de uma estadia memorável no Parque Nacional Peneda Gerês.